Buscar
  • Luara dos Santos Oliveira

Para que serve o Planejamento previdenciário?

Atualizado: 29 de Out de 2020

Com o intuito de projetar o valor da aposentadoria de acordo com as novas regras vigentes pós reforma da previdência, o planejamento previdenciário realizará simulações das regras de transições e identificará prováveis contratempos para saná‐los até o requerimento da aposentadoria.

  

Na prática, será realizado um estudo de todo o histórico do contribuinte, considerando aspectos como: idade, tempo de contribuição, valores das contribuições ao sistema previdenciário e o tipo de atividade exercida. Essa análise buscará identificar o melhor caminho para um benefício mais vantajoso.

  

O planejamento também tem o intuito de identificar se existem alguns erros e inconsistências que impactarão negativamente o valor da remuneração inicial do benefício da aposentadoria ou até mesmo o tempo de contribuição. Outro motivo importante do Planejamento Previdenciário é identificar a data certa e ideal para solicitar o benefício, a fim de evita prejuízo de perdas financeiras

  

Após a reforma da Previdência realizada em 13 de novembro de 2019 passou a vigorar 4 regras de transição para aposentadoria por tempo de contribuição e 1 regra de transição para aposentadoria por idade, para os segurados do Regime Geral da Previdência Social – RGPS, por isso a importância da simulação das regras, visto que o valor do benefício pode alterar significativamente em cada regra de transição.

  

Resumindo, o Planejamento Previdenciário analisará todas as regras de transições, fará a simulação do valor do benefício em cada regra de transição, oferecerá ao segurado a possibilidade de escolher qual será a melhor regra de transição e em quanto tempo terá acesso ao benefício, além de uma projeção do valor inicial do benefício.

Aposentadoria planejada em Macaé
Planejamento Previdenciário em Macaé

Posts recentes

Ver tudo